Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2008

Ronaldo vencedor da Bola de Ouro da France Football

O anúncio oficial só acontece na próxima terça-feira, mas segundo a «SIC», Cristiano Ronaldo é o vencedor da Bola de Ouro da France Football deste ano. Espera-se que Ronalde comece a ganhar um pouco mais de humildade. Tem o mundo a aclamá-lo. Todos lhe reconhecem uma qualidade técnica e soberba quando a bola lhe chega aos pés. Mas também por isso devia ter outro tipo de comportamento.

Endividamento Público

«O endividamento público líquido é de mais de 140 mil milhões de euros, muito perto dos 100 por cento do produto. Só os juros anuais pagos por essa dívida serão de cerca de oito mil milhões de euros. Talvez seis por cento do produto».
António Barreto. Público.

A defesa de Manuela

«Há uma espécie de patrulhamento obsessivo do que diz a líder do PSD».
Paulo Mota Pinto, vice-presidente do PSD, ao Público.

Swayze: um exemplo para os que ficam!

Patrick Swayze tem a morte à sua espera. Por mais cruel que isso possa ser. O músico e actor norte-americano — que todos conhecem do fabuloso filme «Marginais» de Coppola — lutava contra um cancro no pâncreas. Mas o pior ainda estava para chegar. Swayze soube agora que o tumor já se espalhou pelo fígado e restam-lhe poucos dias de vida. Com a força que sempre lhe conhecemos, aquela em que o vimos nos idos e saudosos anos 80, o actor já se começou a despedir da família e dos amigos. Há um mês dizia ao «New York Post» que continuava a fazer a sua vida normal e se surpreendia a si mesmo quando chegava a casa todos os dias com um sorriso no rosto. É, pois, uma força da natureza, encarando a chegada da morte como muito poucos o conseguiriam.

PSD: Longe da Salvação

«Preferia não escrever outra vez sobre a guerra civil do PSD. Infelizmente, o PSD não deixa. O movimento para correr com Manuela Ferreira Leite é público e notório e já não vai parar».
Vasco Pulido Valente. Público.

Finalmente Pessoa!

O realizador português, João Botelho, vai filmar o filme «Livro do Desassossego», baseado na obra de Fernando Pessoa. Até que enfim, que o escritor dos olhos tristes do século XX, vai finalmente ser colocado na tela.

Odete sonha com o fim do capitalismo

«Sonho com a chegada desse dia imenso, do fim do capitalismo. Nesse dia cantaremos a Internacional!».
Odete Santos, no Congresso do PCP, em Lisboa.

Cavaco e o BPN

«Ao princípio, achei despropositado e até pouco digno que o Presidente da República fizesse o estendal das suas finanças para um certo "povo" verificar que ele não estava metido, nem de longe, nem de perto, na história pouco edificante do BPN Negócios. Principalmente, porque não passa e nunca passou pela cabeça de nenhum português que o dr. Cavaco pudesse ter cometido em toda a sua vida a mais leve impropriedade, de qualquer género ou espécie».
Vasco Pulido Valente. Público.

Pior do que ser cego é não querer ver

Jerónimo de Sousa defendeu hoje no XVIII Congresso do partido que a «cooperação estratégica» do Presidente da República com o Governo PS «animou» o Executivo a assumir a «agenda do grande capital».
«A assunção pelo Governo PS da agenda do grande capital e dos seus objectivos, que a eleição de Cavaco Silva e a sua "cooperação estratégica" animou e impulsionou, traduziram-se assim num brutal agravamento das condições de vida dos trabalhadores e do povo», afirmou o secretário-geral do PCP. Verdade seja dita que Cavaco deu o benefício da dúvida a muitas promessas de Sócrates. Mas a função de um Presidente no sistema político português — até pelas limitações dos seus poderes — não é a de entrave ao Governo em exercício. Ao contrário de Jerónimo, Cavaco sabe bem o que são «forças de bloqueio», sentidas na pele quando era primeiro-ministro e em Belém estava Soares. Por isso deixa governar — mesmo que Sócrates esteja a cometer disparates irreversíveis, quiçá, e a aniquilar o futuro d…

O esperado

O Orçamento do Estado para 2009 (OE) foi, há minutos, aprovado na Assembleia da República pela maioria socialista, com os votos contra de todas as bancadas parlamentares. Portas falou em «saque fiscal», Jerónimo preferiu a expressão «macrofracasso», já o PSD acusou o PS de colocar o país num «caminho imparável de recessão e depressão». O BE ficou-se pela definição de «autorização de despesa sem limite». O Primeiro-Ministro, esse, no caso secretário-geral do PS, prefere ter a «homepage» do partido com um simples slogan: «OE/2009 - PROTEGER O PAÍS». Com protecções destas, os portugueses podem é continuar a acreditar que um dia lhes sairá o Euromilhões!

A frase do dia

«Os portugueses, falando verdade, devem estar preparados para um 2009 que não será nada fácil».
Cavaco Silva, esta tarde, em Torres Novas.

XVIII Congresso do PCP

Começa amanhã, em Lisboa, o XVIII Congresso do PCP. Do encontro comunista, pouco ou nada teremos de novo. Jerónimo de Sousa vai ser proposto para continuar como secretário-geral. Estamos em 2008. Quem olha para o Partido Comunista continua com a sensação de sempre: tudo mudou, o mundo está diferente, a economia também, os problemas são outros, completamente distintos daqueles que exigiam as lutas do início do século XX. Só os PC's não o entendem. Veremos mais uma vez o grito da luta pelos trabalhadores, a revolta contra o Governo de Sócrates por «oprimir a classe operária», enfim, as reivindicações do costume. Portugal avança (pouco) mas o comunismo, esse, permanece estático.

Uma desgraça nunca vem só? Vem sim!

Inferno em Bombaim

Política à portuguesa, a classe do costume!

Mesmo não cumprindo a promessa que fez há uns meses — de que não se compromete perante os portugueses em nada que não possa cumprir — Manuela Ferreira Leite disse hoje que se for primeira-ministra vai suspender todos grandes investimentos não rentáveis que estão a ser postos em marcha pelo Governo de Sócrates. Com esse dinheiro, diz Manuela, que conseguirá «provavelmente» baixar os impostos. Ora, por mais que o povo queira acreditar na classe política, a verdade é que ela não muda. São todos iguais. Primeiro a líder do PSD não se compromete com promessas para não falhar. Agora promete mas não sabe se, com tal seguro de vida nas urnas, pode baixar a carga fiscal, caso seja eleita. A palavra é dela — «provavelmente». Mais vale não prometer, Dra! Pelo menos não lhe será cobrado depois.

Paz podre ou instabilidade encapapotada?

Perante as notícias que nos últimos dias dão conta de um clima de instabilidade em Timor, o primeiro-ministro timorense, Xanana Gusmão, veio garantir hoje que a situação política no país é de «total» estabilidade, sublinhando que há um clima de «confiança» e «tolerância» que demonstra que o povo timorense assumiu o dever de contribuir para a paz. Mas será assim mesmo? Os relatos que chegam a Portugal desmentem esta garantia e a verdade é que os incidentes nunca terminaram. Paz podre ou instabilidade encapotada?

O PSD ainda é alternativa?

«O maior partido da Oposição ainda é alternativa? Os portugueses querem saber que propostas preconiza o PSD para o país, mas não parece ser esse o entendimento da sua actual líder. O seu discurso limita-se a prometer maior competência e novos actores para a condução das diversas políticas sectoriais… do PS. Ferreira Leite parece, pois, apostada em obter apenas o segundo lugar nas eleições legislativas do próximo ano e vender caro um eventual apoio à governação de Sócrates».
Paulo Morais. JN.

«Actual sistema não combate a corrupção económica»

Maria José Morgado continua a alertar para as dificuldades no combate aos crimes mais graves que alastram na sociedade portuguesa. Ontem, numa conferência sobre corrupção no âmbito dos crimes económicos, a directora do DIAP afirmou que os prazos mais curtos do segredo de Justiça são um dos entraves à investigação. Morgado entende que deste modo o sistema não consegue combater a corrupção económica e que o actual sistema põe em causa o Estado de direito, caso o sistema repressivo não seja aceite para combater a corrupção e garante que este sistema tem os dias contados. «Com este regime do código do Processo Penal não é possível investigar com êxito a criminalidade altamente organizada, nomeadamente no crime económico», afirmou a magistrada do MP. Se os alertas chegam de quem, no terreno, se confronta com as dificuldades, porque continua o poder político a dar machadadas graves nos códigos portugueses?

A censura que ainda temos

«Há quem diga que não deve haver censura prévia. Mas parece que na agência Lusa há chefias que entendem o contrário. A ser assim, terão impedido que num serviço noticioso se falasse de estagnação no tocante à economia. Se a maioria está em sintonia óbvia com o Governo, porque é que as chefias da Lusa não haviam de estar no mesmo comprimento de onda? E porque é que o Governo não havia de estar benevolamente interessado nestes processos de recurso a uns eufemismos edulcorantes em serviços noticiosos?».
Vasco Graça Moura. DN.

Quem quer tramar Cavaco?

Que mais faltará para fazer arrufar a panela de Cavaco? O escândalo do caso BPN não pára e mesmo depois de o presidente ter vindo clarificar as suas relações com a banca, a verdade é que as suspeitas não param. Hoje, o 24 Horas vem dizer que o antigo presidente do BPN agora detido, Oliveira e Costa, ajudou a financiar a campanha eleitoral do actual Chefe de Estado, doando €15 mil do seu bolso enquanto estava à frente do banco que agora foi nacionalizado. Mais: segundo o diário da Avenida foram, ao todo, 97 482 euros recebidos pela campanha de Cavaco, provenientes de personalidades com ligações ao BPN — o que representa 4,5 por cento dos €2190 milhões reunidos pelos responsáveis. Cavaco mantém a confiança no seu conselheiro Dias Loureiro — também ele antigo administrador do BPN — mas até quando vai continuar o PR sob fogo cruzado do «cavaquismo» podre? Quem quer, afinal, tramar Cavaco?

Portugal em recessão no próximo ano

As previsões da OCDE apontam para uma contracção de 0,2 por cento da economia nacional em 2009. O desemprego vai disparar e, segundo as projecções hoje divulgadas, deverá chegar a 8,8 por cento em 2010. E temos um Primeiro-Ministro a continuar a ignorar estes dados? Até quando? Mais sacrifícios devem estar a chegar. Mais e mais promessas de governos incompetentes. É triste é ver a crise aí e eles não a sentirem.

O BE não me quer, que venha o PS!

É oficial. O BE/Lisboa tenciona em breve retirar a confiança política ao vereador da CML, José Sá Fernandes. A concelhia do BE/Lisboa debateu e fez uma «avaliação negativa do mandato» de Sá Fernandes na Câmara de Lisboa e este poderá perder a confiança política da estrutura. O Bloco tem um acordo com o PS, no âmbito do qual António Costa atribuiu a Sá Fernandes o pelouro dos Espaços Verdes. Estas divergências entre Sá Fernandes e o BE/Lisboa são antigas, tendo a concelhia acusado o vereador, em Julho, de se ter remetido a um «mero voto seguidista» na aprovação na generalidade da alteração dos estatutos da EPUL. Sá Fernandes prepara-se, pois, para as próximas autárquicas. Mas, a ser verdade esta alegada retirada de confiança política, veremos o actual vereador bloquista nas listas do PS. Quando toca a poder, muda-se de cor de cartão como quem muda de camisa. Veremos se o tempo desmente o que agora dizemos.

O drama chega diariamente a Belém

O Presidente da República revelou hoje um sinal muito preocupante e que mostra bem o estado a que o País chegou. Diz Cavaco que são cada vez mais os portugueses em situação de pobreza e que, todos os dias, Belém recebe cartas de pessoas a pedir ajuda à Presidência. Para Cavaco Silva, estão assim à vista os sinais de que a situação económica em Portugal é muito complicada. Pena que esses mesmos pedidos não cheguem a São Bento. Os portugueses sabem que na residência oficial do Primeiro-Ministro ajuda é palavra que não existe.

Dia D do processo Casa Pia começa hoje

Ao fim de 4 anos de julgamento o Ministério Público começa hoje as alegações finais do processo Casa Pia. Cabe ao procurador João Aibéo a difícil missão de sintetizar nas alegações finais quatro anos de produção de prova em julgamento, substanciada nos crimes imputados aos arguidos, formulados pelos jovens casapianos e corroborados pelo principal arguido do processo, o ex-motorista da Casa Pia Carlos Silvino Bibi. Sentam-se também no banco dos réus Carlos Cruz, Jorge Ritto, João Ferreira Diniz, Manuel Abrantes, Hugo Marçal e Gertrudes Nunes. Teremos um desfecho justo? A Justiça tem, neste mediático processo, a oportunidade para mostrar que, ainda que lenta, funciona.

Que problema (s) tem Portugal?

«Há quem ache que Portugal é um problema económico. Se fôssemos mais ricos, seríamos mais cultos, informados e desenvolvidos. Há quem ache que Portugal é um problema administrativo. Se as pessoas parassem de falar, falar, falar, e arrumassem a casa — pois bem, a casa ficaria arrumada».
Rui Tavares. Público.

Cavaco demarca-se do BPN

Cavaco Silva mandou publicar hoje no site da Presidência da República uma nota oficial demarcando-se de qualquer ligação ou envolvimento em negócios, prestação de serviço ou mesmo empréstimos relacionados com o BPN, envolvido em alegados escândalos financeiros que levaram já à detenção do seu antigo responsável, Oliveira e Costa. Cavaco demarca-se, assim, do caso e dos seus antigos ministros e ex-secretários de Estado. A amizade já não é o que era.

Porquê eles?

O Afeganistão é o segundo país com a mais alta taxa de mortalidade de recém-nascidos. Porquê eles, que são o futuro do Planeta? Porquê?

Quique sem pressa de ser o primeiro

«Queremos ser os primeiros no final de Junho, até lá não temos pressa».
Quique Flores, treinador do Benfica, PÚBLICO.

Milhares nas ruas contra a política salarial de Sócrates

Milhares de funcionários públicos estão nas ruas de Lisboa em marcha de protesto entre o Marquês de Pombal e a Assembleia da República contra os aumentos salariais de 2,9 por cento propostos pelo Governo. Mais uma dor de cabeça para Sócrates ou mais uma manif para ver passar?

O número negro

334.300 portugueses têm dois empregos para pagar as contas.
Manchete do Suplemento de Economia do Público.

Os «vexames» por que passa Manuela

«Educada no espírito autoritário do "cavaquismo", e boa discípula do mestre, Manuela Ferreira Leite sofre com irritação os vexames da democracia».
Vasco Pulido Valente. Público.

Oliveira e Costa detido!

Oliveira Costa, fundador do grupo Sociedade Lusa de Negócios, que integra o BPN, foi detido hoje por suspeita de burla agravada, falsificação de documentos, fraude fiscal e branquemento de capitais numa das investigações pendentes no Departamento Central de Investigação e Acção Penal. De acordo com uma nota da PGR, que chegou esta tarde às redacções, o DCIAP confirma que foram realizadas buscas «nas moradas conhecidas ao Sr. Dr. Oliveira e Costa, na sequência das quais o mesmo foi constituído arguido e vai ser apresentado ao Juiz de Instrução do Tribunal Central de Instrução Criminal, para primeiro interrogatório e eventual aplicação de medidas de coacção».

Dançamos ao som do samba brasileiro! E que tareia!

Scorpions como nunca os tínhamos visto

Para não exagerar nas palavras, para não me tornar a suspeita do costume, prefiro que as imagens falem por si. A noite de ontem no Casino Estoril mostrou que os «velhinhos» Scorpions ainda não chegaram à Terceira Idade como muitos pensam. O concerto, em ambiente fechado, no salão Preto e Prata do Casino exigia um espectáculo mais sereno e enquadrado no contexto. Nem assim a banda alemã defraudou quem segue o seu percurso há pelo menos 20 anos. Longe da adrenalina e euforia de outros tempos e espectáculos que já vi da minha banda favorita, a verdade é que Klaus Meine continua a não deixar que os germânicos morram. A voz inconfundível do vocalista de pernas frágeis provou-o ontem. Desde o mítico «Wind of Change» ao eterno «Holiday», passando pelo inconfundível «Always Somewhere» e terminando com o quente «Rock You Like A Hurricane» eles aí estão e recomendam-se. A galeria fotográfica que fale por si. P.S. - A fã aqui do sítio espera por eles até ao próximo regresso. :)

Al Qaeda avisa Obama

O número dois da Al-Qaeda, Ayman Zawahiri, avisou hoje o presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, para não enviar reforços militares ao Afeganistão. Através de uma mensagem de áudio difundida na internet, o número dois da rede terrorista acusou Obama de ter traído as suas «raízes islâmicas» — reportando-se ao facto de Barack ser filho de um imigrante queniano — ao oferecer apoio a Israel. Começa a cruzada islâmica contra o virar de página norte-americano.

Santos Silva tem a memória curta

O ministro dos Assuntos Parlamentares considera que a atitude da FENPROF, ao abandonar a reunião com a ministra Maria de Lurdes Rodrigues de hoje, revela «uma falta de respeito institucional e uma aposta no extremismo». Quem tem telhados de vidro é melhor nem falar das posições dos outros. Mas Santos Silva é perito em defender de forma «extrema» o Governo a que pertence. Memória curta sr. Ministro, não é?

Grande fatia da riqueza produzida em Portugal sai do país

O Rendimento Nacional Bruto está a contrair-se. Tudo porque grande parte do que é produzido em Portugal não fica dentro do País. Portugal está, desta forma, a pagar a factura do forte endividamento externo da economia e da dependência do investimento estrangeiro. Cavaco está preocupado, não fosse ele o economista «puro» e «duro» que conhecemos. O país definha. Enquanto isso Sócrates sorri para os portugueses, como se tudo estivesse bem. Triste.

Somos os primeiros mas no que toca à mediocridade

TS: o pior ministro das Finanças dos 27
O jornal «Financial Times» classificou Teixeira dos Santos como o pior ministro das Finanças da União Europeia. A classificação do jornal britânico, uma das referências mundiais em termos económicos, tem em conta indicadores económicos e a opinião de um painel de economistas. Já o ministro da Finanças da Finlândia foi considerado o melhor de todos. José Sócrates bem tentou, no início desta legislatura, imitar os países nórdicos nas políticos. Mas já na competência política e na eficácia dos agentes governativos, o País continua a ir bem mal. Aguentemo-nos!

Corrupção nas claques? Nã, nós por cá, não gostamos disso!

Mas onde páram as investigações jornalísticas pelos lados dos jornais desportivos à corrupção nas claques de futebol? Vai mal o Jornalismo especializado quando assim é! Nem para chamada de primeira há espaço! Por estas e por outras é que os jornais «expert» na matéria são o que são. Interesses à vista ou mera ajuda aos clubes em questão? Quem souber que responda!

Duração do desemprego está a aumentar, diz BP

Más notícias para os portugueses. Cada desempregado passa em média quase dois anos à procura de trabalho, o valor mais alto dos últimos 10 anos. O Banco de Portugal diz que o desemprego de longa duração está a aumentar e justifica esse crescimento com o «generoso» regime do subsídio. Vamos ver até onde o eng.º José Sócrates vai para criar o que resta dos prometidos 150 mil postos de trabalho.

O «cavaquismo» anda podre!

Dias Loureiro participou em negócio que o grupo BPN escondeu.

Manchete do Público. P.S. - Por tudo quanto temos visto, parece que o «cavaquismo» anda mesmo podre.

Manuela só pode estar a brincar

Manuela Ferreira Leite disse hoje — não sabemos se em tom de brincadeira se a sério — que «seis meses sem democracia colocaria o País na ordem». A tirada da líder do PSD culminou quando Manuela falava sobre a dificuldade de reformar certos sectores contra a vontade das classe profissionais, criticando o Executivo de Sócrates por humilhar os professores e os funcionários públicos. Será que o problema é da democracia ou dos democratas que nos governam e (des)governam? Declaração não só grave como bastante preocupante a da presidente do maior partido da oposição.