Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2012

Abertura do ano judicial. Mais. Do mesmo.

«Há magistrados e polícias a passar fome»

Má Despesa Pública. A nu.

Acordar fantasmas, é preciso!

A benção.

40 anos de 'Domingo Sangrento'.

A vergonha tem um nome: FNAC.

Serra do Marão e Rio Ovelha.

O silêncio às vezes ajudava...

«Desamparem a loja», diz Marcelo.

RulesOfLife@platonismo.ac

A solidão maltratada.

Tudo tem um fim. Hoje foi o do MEP.

Alberto João vergou.

Um distrito. Um tribunal.

A vergonha que carrego.

A sério? Ninguém diria.

O adeus de Carvalho da Silva.

Asfixia. É aqui, em Portugal.

Quando a vida e a morte se encontram.

A invasão chinesa.

A condição humana devia ter limites. De cima para baixo.

Censura.

AC em modo peditório a Pedro Passos Coelho.

Portugal dos novos tempos. Ou antigos. Como queiram.

Frente-a-frente. Com o Mestre.

Crescem os temores. Portugal respira.

Missão Impossível em Belém. Calar o Presidente.

Amado no Banif. Os frutos do poleiro.

Cavaco. O boneco.

O ano do Dragão.

Croácia diz 'sim' à UE.

Uma capa histórica. Pelas piores razões.

Dó.

Olha o Euro baratinho em Hong Kong.

Dia N.

When We Stand Together...

Temos Primeiro-Ministro.

Por Inimigo Público.

Optimus Alive'12. Bem que Portugal merecia.

Democracia. Ou nem tanto.

Exportar «cabrões».

«Jornalistas libertados: o perigo da verdade à solta».

O Governo dos especialistas/assessores.

O regime da idiotocracia.

Adeus baldas. Olá trabalho.

Ide. Com saúde e trabalho.

E esta versão não sai da cabeça do Platonismo.

Leo e Ala. Amores, amores...

«Prefiro morrer de pé que viver sempre ajoelhado»

A poupança que segrega. Mas ninguém quer saber.

Meia hora a menos. Afinal, não era necessário.

Dica Platónica do dia.

«Convidava Catroga a fazer um estágio nos Cartuchos»