Futebol, fado e Fátima. A sina de sempre.



Entre um sábado de futebol de emoções e hoje, dia em que se celebra o 13 de Maio em Fátima, olho para o país e só falta mesmo o último elemento que nos caracteriza. Mas o fado, depois do futebol e de Fátima está bem patente à nossa frente e todos os dias na nossa carteira. O fado de um país que não pode contar com políticos responsáveis, o fado de um país que vê a taxa de desemprego a bater novo recorde, o fado de um país que vê os seus velhos serem apunhalados por um Estado que não é de bem na hora de devolver o dinheiro das suas justas reformas. Taxar as pensões, como tenciona o Governo fazer, é um crime de lesa-pátria, e abrangerá indiscriminadamente todos os idosos. Obviamente que isto tem, como já aqui o disse na semana passada, um enorme impacto social. Sabemos que Portugal tem um problema de sustentabilidade no sistema de pensões e na Segurança Social em geral, e sabemos também que é urgente fazer várias correcções mas, uma coisa é certa, duvido muito que o Tribunal Constitucional aceite cortes nas pensões podem ser retroactivos. Cortar na despesa do Estado, invoca Gaspar e Companhia, é cortar, como estamos a ver, nas reformas. E este, a meu ver, é o pior caminho estrutural que se pode seguir, é enveredar pelo rumo mais fácil, colocando em causa direitos consagrados, mudando as regras do jogo a meio, apenas e só porque os financiadores externos assim o querem. Cada vez mais esta coligação está ferida de morte, sem coordenação, cumprindo apenas o Memorando e, em alguns casos, indo até mais longe. Um Governo sem identidade, que não negoceia, que diz «sim» a tudo como se a Troika fosse o Papa não defende o interesse nacional, defende acima de tudo interesses desgarrados de quem apenas empresta o dinheiro e não conhece os reais problemas do país. A menos que queiramos um país sem povo, então, aí sim estamos no caminho certo para o conseguir. Resta saber se restará poder e território para completar o último capítulo desta história que mais parece um pesadelo.


Crónica de 13 de Maio, Antena Livre, 89.7, Abrantes.


Comentários

martin cruise disse…
Procuro informações sobre o naufrágio do navio Bolama ocorrido a 4 de Dezembro de 1991. Investigação jornalistica. Ver Blog: naviobolama.blogspot.pt